Com juros mais baixos, venda de imóveis novos em São Paulo cresce 45,5%

Com juros mais baixos, venda de imóveis novos em São Paulo cresce 45,5%


Pesquisa aponta que imóveis de dois dormitórios, com até 45 m² e custando até R$ 240 mil estiveram entre os mais procurados na capital em julho.









A cidade de São Paulo registrou a venda de 4.341 unidades residenciais novas no mês de julho, de acordo com a Pesquisa do Mercado Imobiliário, realizada pelo departamento de economia e estatística do Sindicato da Habitação (Secovi-SP). O resultado é 45,5% superior ao mês de junho, quando foram comercializadas 2.984 unidades.





Os dados mostram a recuperação do mercado imobiliário desde maio e posicionam o mês como sendo o melhor julho registrado na série histórica da pesquisa, iniciada em 2004. “O ano atípico contribuiu para o bom desempenho do mês, já que as férias escolares foram suspensas ou remanejadas”, diz Celso Petrucci, economista-chefe do Secovi-SP. “Além disso, foram concretizadas algumas aquisições que vinham sendo adiadas em razão das incertezas decorrentes da pandemia.”





Para o presidente do Secovi-SP, Basilio Jafet, a taxa de juros, que se encontra no patamar mais baixo da história, também vem estimulando as vendas e permitindo que as famílias tenham mais acesso ao financiamento habitacional. Entre os imóveis mais vendidos estão os de dois dormitórios, com menos de 45 m² de área útil, valores de até R$ 240.000,00 e localizados na região Sul da cidade.





Fonte: Exame.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © - Todos os direitos reservados.